A história original de The Walking Dead continua sendo publicada mensalmente (e as vezes quinzenalmente) nos Estados Unidos, servindo de base para a série de TV da AMC.

Mostrando eventos muito mais adiantados, Negan é um desafio que já foi vencido nos quadrinhos (mas não eliminado), enquanto Rick e os outros sobreviventes atualmente encaram ameaças ainda maiores. Para mais detalhes dos acontecimentos atuais, confira nossos tópicos de discussão de cada capítulo da HQ.

O desafio mais recente foi contra uma quantidade absurda de zumbis, da ordem de milhares, que já destruíram Hilltop e Alexandria. Impossibilitados de matar tamanha quantidade de mortos-vivos, a alternativa foi redirecionar a horda para o oceano. E ao lidar com eles, uma das personagens mais antigas foi mordida no pescoço.

ATENÇÃO: Contém SPOILERS abaixo!

Conforme indicado na edição 165, lançada em março, a vítima é Andrea. Sua versão da série de TV morreu na 3ª temporada nas mãos do Governador, mas nos quadrinhos ela continua viva e em um relacionamento há anos com Rick (e considerada como mãe por Carl).

A Andrea dos quadrinhos é uma das personagens mais antigas e com enorme relevância, sendo apresentada na longínqua edição 2. Na série de TV o papel de Andrea tem sido substituída pela Michonne.

Ao final da edição 165, Andrea salva Eugene da imensa horda de zumbis. Mas não saiu ilesa. O último quadro da edição mostra um ferimento em seu pescoço, indicando que um dos zumbis teria alcançado-a, ou seja, Andrea estaria infectada.

Andrea foi realmente mordida?

Por mais que a imagem final indique que se trata de um ferimento causado por zumbi, fãs passaram as últimas semanas especulando se não seria alguma outra causa externa, como uma bala que a pegou de raspão.

A resposta veio no final da edição 166, confirmando que trata-se mesmo de uma mordida. Andrea já apresenta os sintomas da infecção, como o suor e fraqueza.

Como já é sabido no universo de The Walking Dead, a mordida causa uma infecção incurável e mortal em 100% dos casos. A única forma de impedir é amputando a parte ferida o quanto antes. Uma opção impossível para o caso de Andrea.

Próxima edição indica uma difícil decisão a tomar

As primeiras informações da edição 167 dos quadrinhos de The Walking Dead indicam que será a última de Andrea.

Ela mostra Rick segurando uma arma e Andrea, ajoelhados um de frente para o outro, com o texto de chamada: “Seria possível que o inevitável, de alguma forma, fosse… evitado? Rick e Andrea têm uma difícil decisão a fazer”.

Contudo, Kirkman tem o histórico de criar falsas expectativas em suas edições e declarações, mas caso Andrea realmente esteja com seus dias contados, este será provavelmente o golpe mais forte que Rick terá que enfrentar desde a morte de Lori e Judith na prisão.

O que a morte de Andrea na HQ significa para a série de TV?

Como Andrea já está morta faz tempo na série de TV (desde o final da 3ª temporada), os olhares se voltam para Michonne, que é a atual parceira de Rick na adaptação da AMC e está com diversos momentos de Andrea.

O que você acha? Veremos mesmo o fim de Andrea desta vez? E será que a Michonne da série de TV terá o mesmo destino?

"We are surrounded by the dead. We're among them and when we finally give up, we become them! Don't you get it? WE ARE THE WALKING DEAD!"
Prezamos por comentários relevantes e respeitosos. Confira nossa Política de Comentários e para mais discussões sobre The Walking Dead e outras séries, curta nossa página no Facebook! Gostaria de escrever para o The Walking Dead Brasil? Clique aqui e faça parte do site.