Atenção: spoilers dos quadrinhos a seguir.

A guerra já começou em The Walking Dead. E ao final dela, os produtores terão uma decisão importante a tomar. Na obra original, em quadrinhos, há um grande salto temporal assim que Rick derrota Negan. Mas não são aquelas passagens de tempo de algumas semanas que eventualmente acontecem. Estamos falando de pelo menos dois anos, onde as comunidades se desenvolveram consideravelmente.

Além do desenvolvimento da civilização (há moinhos, feiras, um sistema de trocas e ainda mais comunidades), os sobreviventes também passaram por mudanças profundas, como Rick que assumiu seu papel de líder, Eugene que desenvolve muito mais atitude e Carl que fica mais maduro.

Uma mudança tão profunda na história não poderia ser ignorada na série de TV. E como estamos nos aproximando deste momento, a pergunta veio a tona em entrevista do site Hollywood Reporter com o showrunner da série, Scott Gimple.

As pessoas que acompanham os quadrinhos estarão esperando por isso. Estamos seguindo os quadrinhos. Fazemos todo tipo de mudança, mas há coisas que acontecem naquele salto temporal que são super interessantes e podemos ver algumas dessas coisas. Pode não ser o mesmo tipo de salto temporal ou faremos isso em dois a cinco anos do tempo real.

O criador dos quadrinhos de The Walking Dead, Robert Kirkman, também comentou esta questão:

Nós conversamos se faríamos ou não tudo o que aconteceu nos quadrinhos, até a edição mais recente. É algo que eu e o Scott estamos discutindo o tempo todo. Nós nos sentamos com todos os produtores e discutimos o que vamos fazer e como vamos fazer, pois isso envolve orçamentos e planejamentos estratégico tremendos sobre como encaminhar a série. Ser capaz de saber dessas coisas com anos de antecedência é o que nos ajuda a tornar a série viável. Portanto, nós discutimos tudo.

Durante o período do salto temporal nos quadrinhos, Michonne se isola de todos, indo morar em Oceanside. É um papel que a série de TV transferiu para Carol, que Gimple também comenta:

Eu tenho um plano geral por um longo tempo, e sempre que eu faço isso há pequenos detalhes mudam o plano. Mas, de forma geral, eu acho que teremos um pouco mais de conteúdo em relação ao Robert [Kirkman]. Há coisas que eu li e fiquei refletindo. E quando eu fico refletindo sobre coisas que eu gosto, penso em como introduzí-las na série.

Leia Mais: 10 grandes momentos em The Walking Dead após a Guerra Total

Como você acha que The Walking Dead adaptará este salto temporal na série de TV?

Fonte THR
"We are surrounded by the dead. We're among them and when we finally give up, we become them! Don't you get it? WE ARE THE WALKING DEAD!"
Prezamos por comentários relevantes e respeitosos. Confira nossa Política de Comentários e para mais discussões sobre The Walking Dead e outras séries, curta nossa página no Facebook! Gostaria de escrever para o The Walking Dead Brasil? Clique aqui e faça parte do site.