O 15º episódio da 8ª temporada (S08E15 – “Worth”) mostrou os preparativos para a última batalha da Guerra Total.

Após cuidar de Simon e Dwight, Negan percebeu que não havia mais outra alternativa contra Hilltop, senão matar todos eles. Enquanto isso, Rick recebeu o plano falso de Negan e Eugene terminou de preparar toda a munição necessária para garantir a vitória dos Salvadores.

E entre tantas cenas interessantes, como de costume há diversos detalhes que poucos perceberam ao longo do episódio. Você conseguiu se atentar a todos esses itens?

1 - O significado do título "Worth"

Cada episódio de The Walking Dead possui um título com um significado na história apresentada e este não foi exceção.

O título deste episódio é “Worth”, que traduzido significa “Vale a Pena” e refere-se a uma frase que Rick leu na carta de Carl.

O último desejo de Carl é que Rick e Negan parassem de brigar e seguissem em frente, pelo bem de todos, afinal “toda vida vale alguma coisa”.

Você tem que fazer as pazes com Negan. Encontrar um jeito de seguir adiante.

Não temos que esquecer o que aconteceu, mas você tem que fazer com que isso não se repita. Que ninguém tenha que viver desse modo. Que toda vida vale alguma coisa.

Veja mais: Rick LÊ A CARTA de Carl em Novo vídeo do 15º Episódio! (Vídeo legendado)

 

2 - Já vimos uma amostra de um dos últimos desejos de Carl

Sem dúvida um dos momentos mais emocionantes deste episódio foi logo no início com Rick lendo a última carta que Carl lhe escrevera.

Entre diversas reflexões, Carl menciona as boas lembranças que ele teve dos passeios de pai e filho e pede para que Rick faça o mesmo com Judith.

Passeie com a Judith, pai. Ela vai lembrar.

Se considerarmos aquelas visões do futuro, então pelo menos esta promessa Rick está mantendo, pois boa parte dela mostra Judith passeando com seu pai por Alexandria!

3 - Simon é verdadeiro responsável por Oceanside

Simon é um verdadeiro psicopata! Não apenas ele acabou com todo o grupo do lixão e tentou dizimar Hilltop, como também foi o responsável pela morte de todos os homens em Oceanside.

A revelação deste último massacre veio neste episódio, onde Negan analisa seu braço-direito.

Quando você me ajudou a tomar aquele lugar, eu não estava certo se queria mantê-lo no time.

O que você fez, matando todos os homens e garotos naquele grupo tempos atrás… muita gente acharia que é um lance psicótico, que é o trabalho de um demônio demente, quebrado e amaldiçoado.

Desta forma, o roteiro de The Walking Dead usou este recurso para livrar Negan da culpa pelo massacre em Oceanside, provavelmente em uma tentativa de deixá-lo mais “humanizado” para eventos futuros.

Veja mais: The Walking Dead revela o verdadeiro CULPADO pelo massacre em Oceanside!

4 - Chandler Riggs está de volta aos créditos

Carl Grimes está morto em The Walking Dead. Mas a sua presença ainda está entre nós.

Um dos detalhes que poucos perceberam no episódio 10 da 8ª temporada foi que os créditos do ator que interpretava Carl, Chandler Riggs, haviam sumido da abertura.

O nome de Riggs era o quarto a aparecer, após Andrew Lincoln (Rick), Norman Reedus (Daryl) e Lauren Cohan (Maggie). A cena que continha seu nome permanece (vide imagem), mas sem os créditos.

Mas neste 15º episódio Riggs está de volta à abertura, como antes. Provavelmente por sua voz ter sido usada na leitura da carta.

***

Percebeu mais algum detalhe no 15º episódio da 8ª temporada de The Walking Dead? Compartilhe conosco nos comentários abaixo!

"We are surrounded by the dead. We're among them and when we finally give up, we become them! Don't you get it? WE ARE THE WALKING DEAD!"
Prezamos por comentários relevantes e respeitosos. Confira nossa Política de Comentários e para mais discussões sobre The Walking Dead e outras séries, curta nossa página no Facebook! Gostaria de escrever para o The Walking Dead Brasil? Clique aqui e faça parte do site.