A família de John Bernecker, dublê que morreu tragicamente em um acidente durante as gravações da 8ª temporada de The Walking Dead, deve dar entrada a um processo judicial contra a AMC em breve.

Susan Bernecker, mãe do dublê, contratou o advogado Jeffrey R. Harris, que representou os pais da operadora de câmera Sarah Jones em um processo que lhes rendeu uma indenização de US$ 11 milhões. Jones foi atropelada por um trem em 2014 durante as gravações do filme Midnight Rider, que sequer foi concluído em decorrência do acidente.

De acordo com o escritório de Harris, Susan deve dar entrada no processo nas próximas semanas.

Acidentes como este não ocorrem em uma produção sem que algum erro tenha sido cometido.

John Bernecker faleceu após uma queda de mais de 6 metros durante uma cena na qual deveria cair de uma sacada, contracenando com o ator Austin Amelio (Dwight).

De acordo com o diretor assistente Matthew Goodwin, ele errou o colchão de proteção por centímetros e caiu de cabeça no chão de concreto.

Fonte Comic Book
For what do we live, but to make sport for our neighbors, and laugh at them in our turn?
Prezamos por comentários relevantes e respeitosos. Confira nossa Política de Comentários e para mais discussões sobre The Walking Dead e outras séries, curta nossa página no Facebook! Gostaria de escrever para o The Walking Dead Brasil? Clique aqui e faça parte do site.