The Walking Dead começou muito bem em 2018. A edição 175 dos quadrinhos introduziu o novo arco, chamado “Nova Ordem Mundial”, onde surge um novo grupo, aparentemente com mais recursos do que jamais foi visto desde a queda da civilização com o apocalipse.

A caravana de Michonne finalmente chegou em Ohio, em busca da comunidade de Stephanie, a mulher com quem Eugene estava mantendo contato pelo rádio. Eles foram imediatamente cercados e rendidos por soldados fortemente equipados e treinados, sendo levados para interrogatório.

Após muitas discussões, o líder dos soldados, Lance Hornsby, concordou em levá-los até ao local que ele faz questão de chamar de “commonwealth”, ou seja, “nação” ou “estado”.

Ao se aproximarem, Michonne avistou um estádio e deduziu que eles teriam fortificado o o local e o transformado em abrigo. A surpresa foi grande quando Lance revelou que aquele estádio tinha sua função original, de receber shows e jogos.

Mas se é uma comunidade tão grande assim que eles usam um estádio para lazer, então quantos sobreviventes habitam o local? Lance também revelou o número impressionante: quase 50 mil pessoas vivem nesta “nação”!

Quais as implicações desta nova comunidade?

50 mil habitantes é um número muito maior do que qualquer outra comunidade já vista em The Walking Dead. Alexandria, Hilltop, Reino e Santuário aparentam contar com cerca de algumas centenas de habitantes cada. São basicamente pequenos condomínios.

Por outro lado, uma comunidade de 50 mil pessoas realmente pode ser chamada de um estado ou nação. E seus soldados, que aparentam ser extremamente treinados e muito bem equipados, atestam a magnitude do que foi apresentado. Este novo grupo certamente significa um enorme passo na restauração da civilização após o apocalipse.

E por mais que Lance tenha sido rude, ele aparentava seguir um protocolo para lidar com pessoas desconhecidas. Não foi uma introdução de um líder louco, como o Governador, que cortou a mão de Rick logo de cara, ou Negan que matou Glenn. Essa “Nova Ordem Mundial” está muito mais parecida com a introdução de Alexandria, com suas entrevistas e apresentação formal das instalações.

Contudo, por mais que tudo pareça promissor, ainda há muitas perguntas em aberto em relação à esta “nação”. Quais serão os seus objetivos? Como uma comunidade cresceu tanto assim? Como os líderes tratam seu povo? Como eles lidam com outras comunidades?

Quais as suas expectativas para o restante do arco Nova Ordem Mundial?

"We are surrounded by the dead. We're among them and when we finally give up, we become them! Don't you get it? WE ARE THE WALKING DEAD!"
Prezamos por comentários relevantes e respeitosos. Confira nossa Política de Comentários e para mais discussões sobre The Walking Dead e outras séries, curta nossa página no Facebook! Gostaria de escrever para o The Walking Dead Brasil? Clique aqui e faça parte do site.