Com a aproximação da 8ª temporada de The Walking Dead, a única certeza que se tem até o momento é que teremos a adaptação do famoso arco “Guerra Total” (All Out War), um dos grandes marcos dos quadrinhos, que mostra o ápice do confronto entre Rick e Negan.

Toda a 7ª temporada foi trabalhada para este grande evento. A Guerra Total é, sem dúvida, o evento mais importante de The Walking Dead até o momento, causando mudanças drásticas na vida de Rick e todos os outros sobreviventes.

Mas, afinal, o que foi esse conflito? E como ele muda a história de The Walking Dead?

Série de TV X Quadrinhos

Primeiramente, precisamos situar a série na linha cronológica dos quadrinhos. Sabemos que diversos acontecimentos são completamente mudados na adaptação para a TV, porém de forma geral os principais eventos dos quadrinhos são seguidos pela série.

Com essa informação, podemos dizer que a 7ª temporada adaptou os eventos das edições 100 – 114 (a segunda metade do arco “Algo a Temer” e a totalidade de “O que vem a Seguir” e “Marcha para a Guerra”). A 8ª temporada, portanto, adaptará a “Guerra Total”, que ocorreu entre as edições 115 e 126. Este arco durou dois volumes (Guerra Total, Parte 1 e Parte 2). Apesar disso, a duração foi a mesma de qualquer outro volume porque, excepcionalmente, durante esse período os quadrinhos tiveram edições quinzenais, e não mensais como de costume.

Bastante citado apenas como “guerra” na segunda parte da 7ª temporada, este conflito envolve a luta de três comunidades (Alexandria, Hilltop e o Reino) contra a servidão que Negan impõe. Não podemos prever como será exatamente a adaptação da Guerra Total para a TV, mas podemos pensar nos principais acontecimentos que provavelmente serão mostrados.

A Batalha do Santuário

A season finale da 7ª temporada de The Walking Dead corresponde aos eventos das edições 112, 113, 114 e 120. Após a fuga de Negan na edição 114, Rick diz que a maneira de deter os Salvadores é realizar um ataque conjunto ao Santuário que mine o poderio do inimigo.

Rick, Jesus (Maggie ainda não havia tomado a liderança de Hilltop nesse ponto) e Ezekiel se encaminham até a base de Negan, o Santuário. Lá, Rick propõe um ultimato: a rendição dos Salvadores e fim do “acordo” com as comunidades ou uma luta armada. Negan pergunta o que vai acontecer com ele, e Rick ecoa seu mantra da época da prisão (que, infelizmente, ainda não vimos na série): “Você mata? Você morre”.  Negan nega o acordo e mostra uma carta na manga: Gregory.

Gregory diz aos combatentes de Hilltop que eles perderão suas casas caso continuem sua luta contra Negan, e que sua comunidade agora está com o Santuário. Apesar disso, apenas uma pequena parte do exército vai embora devido a essa ameaça.

Irritado, Negan joga Gregory da plataforma onde eles estavam e, sem opções, inicia um tiroteio contra Rick e os demais. Uma batalha se forma, na qual a aliança das três comunidades descarrega sua munição contra as vidraças do Santuário, com o intuito de atrair uma horda de zumbis para o local.

Rapidamente o Santuário é cercado por mortos-vivos. Tendo concluído seu objetivo, as tropas das comunidades se afastam. A única exceção é Rick, que mantém-se no local para destruir os portões da fábrica.

Na série de TV, temos motivos para acreditar que tal ataque também vai se suceder, uma vez que Gregory já está indo se encontrar com os Salvadores. Tendo em vista que quase toda season premiere é explosiva e cheia de ação, acreditamos que o primeiro episódio da 8ª temporada possa vir a adaptar as edições 115 e 116.

A Captura de Holly

A missão suicida que envolve Sasha e Rosita também existe nos quadrinhos. A diferença é que ela ocorre no decorrer da guerra, e o protagonista dela é, surpreendentemente, Rick.

Sabendo que ele era o único que Negan não mataria, o policial planejou arrebentar os portões do Santuário com um carro, possibilitando que os zumbis invadam o local. Holly (que está morta na série desde o episódio 2º episódio da 6ª temporada, JSS), sentida pela morte de Abraham, domina Rick e ela mesma derruba as barreiras da fábrica.

Com isso, os Salvadores acabam cercados por zumbis e Holly capturada. A partir daí, temos uma dinâmica muito parecida com o que ocorre na série, com a tentativa de estupro de Holly (edição 117). Holly morre pelas mãos de Negan (ao contrário de Sasha na série, que se mata).

Pelo arco de Holly já ter sido adaptado para a série, não o teremos na guerra. É possível que uma nova trama possa substitui-lo.

***

Esta foi a primeira batalha da Guerra Total. A segunda parte desta matéria detalhará como foi a segunda parte do plano de Rick: o ataque aos postos avançados.

Quais as suas expectativas para a adaptação da Guerra Total na série de TV de The Walking Dead?

Carioca e estudante de Direito. Aficcionado por lasanha, frio, Game of Thrones, Westworld, DC, Marvel, cinema e poesia. Amante incondicional de The Walking Dead, escreve sobre a série e os quadrinhos desde 2013.
Prezamos por comentários relevantes e respeitosos. Confira nossa Política de Comentários e para mais discussões sobre The Walking Dead e outras séries, curta nossa página no Facebook! Gostaria de escrever para o The Walking Dead Brasil? Clique aqui e faça parte do site.