Spoiler Alert

Demoramos, mas voltamos com o Walk Talk! A edição 115 faz um compilado do restante da primeira metade da 3a temporada de Fear The Walking Dead, esse spinoff maravilhoso (sqn) do nosso universo zumbi favorito.

Ajude o Walk Talk! Seja nosso padrinho/madrinha em: www.padrim.com.br/walktalk

Siga-nos no Soundcloud, clique em play e debata conosco! Deixe suas sugestões e críticas sobre o podcast nos comentários!

Podcasters:

Aperte o botão PLAY e escute o programa (ou faça o download)

Siga-nos no iTunes

itunes-logo-walk-talk

Entre em contato com o Walk Talk!

rick-grimes-telefone

Quer falar com a galera do Walk Talk? Nós temos um grupo no Facebook exclusivo para os ouvintes do podcast! Clique aqui para participar. Converse conosco e deixe suas sugestões e críticas.

Prefere mandar um e-mail? Clique aqui para enviar uma mensagem para nós, com suas sugestões, críticas e solicitações para participar de episódios futuros! Se preferir entrar em contato direto, o nosso e-mail é: [email protected]

Seja nosso Padrinho!

Você gostaria de ver mais do Walk Talk? Temos muitos planos para o podcast e você pode contribuir com o crescimento do programa que analisa de forma única, com muito debate e humor ácido, todos os episódios de The Walking Dead e Fear The Walking Dead. Confira aqui a nossa página no Padrim e seja também nosso patrão, contribuindo com qualquer valor!

O que você achou desta edição?

Compartilhe suas opiniões conosco nos comentários abaixo e em nosso grupo no Facebook!

Edição: IQUE MUNIZ

Jornalista, host do WalkTalk, podcaster, amante de esportes, games e classic rock!
Prezamos por comentários relevantes e respeitosos. Confira nossa Política de Comentários e para mais discussões sobre The Walking Dead e outras séries, curta nossa página no Facebook! Gostaria de escrever para o The Walking Dead Brasil? Clique aqui e faça parte do site.
  • Provavelmente o cast mais deprê que eu já ouvi. Continuem assim.

  • Amanda

    Só os fortes sobreviveram no walktalk!! hahahahaha Adiantaram Fear passando episódios duplos pra não competirem com game of thrones, será?
    O Fernando percebeu uma coisa que eu já tinha percebido faz tempo, a Alicia é a mesma pessoa em todos os papeis da carreira dela, em fear, na vida real, naquele filme do furacão, friend request.. é tudo a mesma pessoa, mesma cara de tonta, mesmo cabelo, tudo igual. Ainda bem que ela é bonita pras teenzaiada idolatrarem

    • É bem isso mesmo! Devem ter adiantado pra não dar de cara com o GoT chegando com os dois pés na porta

  • Leandrinho

    Só umas 21 vezes melhor que a série principal. Que ritmo, que série fantástica! Pena que ops modinhas nao a colocam lá em cima

  • Cristiano Jose Machado

    Desculpem, adoro o walk talk de vocês sobre o the walking dead, mas se for para analisar algo sem ao menos assistir, porque não param então? Como o próprio apresentador disse no começo da conversa, ele assistiu tudo em um dia sem ao menos prestar atenção.
    Esta temporada foi ótima sim, obvio que teve seus erros como qualquer outra série, inclusive a principal, que teve uma temporada horrível, mas esta serviu para consertar vários erros.
    A começar pelo índio, sério que vocês nem sequer prestaram atenção nos diálogos dele? é sério isso? Quando a Alicia está lá como refém temporária que se depara com o avião, ela fala “então foi você que matou o Travis né?” e ele responde “Você tem ódio de mim! Talvez agora você entenda meu ódio pelos OTTO só que em uma escala 1000 vezes maior” O que dá a entender que os OTTO tinham matado alguém da família dele, o que logo depois se confirmou. Ai vocês falam que ele queria a terra e que no final tudo ficou sem sentido, é só pensar um pouquinho no diálogo do otto com os outros pais fundadores, O OTTO criou a terra junto com os outros, e então matou pessoas para defender esta terra, logo ele acabou se “tornando” a terra, e era essa terra que representava para os índios, não o espaço físico em si.
    Uma coisa que eu achei estranha foi aquela primeira invasão para resgatar a Alicia, que me pareceu facilidade de roteiro, e logo em seguida o Jake voltar lá para tentar um acordo em desespero, com a Ofélia impedindo o Taka de o matar. Quando ela volta apenas com o olho machucado, eu logo estranhei, como um cara que mata nego a sangue frio vai punir uma mulher apenas com um olho roxo? E logo em seguida a Ofélia joga para o público a resposta “Taka não tem muros, porque ele diz que índios não podem ser surpreendidos”.
    Sobre o Strand, a cena dele foi uma das coisas mais bonitas que eu vi, vocês disseram que foi sem sentido e etc, mas ela foi de simbologia extrema, sobre um cara que fazia tudo para se dar bem até chegar em um ponto que ele percebe que o mundo acabou e que nada voltará a ser como antes, inclusive o fazendo queimar a Abigail, que representava o “amor” dele.
    Até para a Clark eles conseguiram achar um roteiro para cobrir a falha de atuação da atriz.
    Um episódio digno de uma nota 8, no mínimo.

    • Fala Cristiano! Cara, realmente você tem pontos bons aí. Eu sou obrigado a concordar contigo que assistir 4 episódios em sequência, com a velocidade um pouco acima do normal, pode deixar a desejar em muita coisa. O que acontece, talvez, é que estamos já meio com a cabeça voltada para o ruim, pras coisas complicadas que o Fear tem. Seus pontos aí nesse final de mid-season são coerentes e fazem sentido, mas tem muita coisa complicada também (assim como tem em TWD e não escondemos isso quando fizemos os casts da série principal). Talvez o ideal seja mesmo deixar o Fear de lado, ao menos no WalkTalk. Ainda acho (e creio que os companheiros também achem) que o roteiro em Fear é fraquíssimo, mas sua opinião é relevante. Valeu pelo coment!

      • Cristiano Jose Machado

        Fear é fraquíssimo mesmo perto do que poderia ser, foi um erro gigantesco quererem fazer uma série só para puxarem mais dinheiro, eu só não concordo com a parada de querer dizer que fear é um lixo a todo custo. Quase tudo na série é ruim, mas ai quando os caras se esforçam pra fazer decente e fazem, dizem que é ruim também. ‘-‘

  • Estudar Mais

    Boa noite, realmente concordo com vcs o roteiro de Fear é muito fraco, bom recomendo uma série que gostaria da opinião de vcs aqui, The Man in the High Castle – uma série da Amazon